fbpx
Skip to content

Concurso Polícia Federal: ADPF solicita mais 3.000 vagas!

O concurso para a Polícia Federal é bastante esperado por quem quer seguir carreira policial. Recentemente o presidente da Associação dos Delegados da Polícia Federal (ADPF), Edvandir Paiva, durante entrevista a um jornal de Brasília afirmou que foi feito um pedido com 3 mil vagas para um novo edital.

Além disso, para a realização do novo concurso da PF não será necessário a autorização do ME, o que pode agilizar o processo. 

Como está a situação atual do concurso da PF?

Na entrevista, o presidente da ADPF afirmou que um novo pedido foi feito com 3.000 vagas para a realização do concurso da Polícia Federal.

De acordo com uma publicação oficial através do Diário da União, o pedido de realização de uma nova seleção para a Polícia Federal não precisará ser autorizada pelo Ministério da Economia, sendo essa atividade de total responsabilidade do diretor-geral da PF.

O processo para a publicação do novo edital pode ser acelerado devido a essa “autonomia” concedida ao órgão. A ADPF encaminhou ao Ministério da Economia um pedido de realização de um novo concurso da Polícia Federal para provimento de 3.103 para áreas de carreira e 357 para cargos da área administrativa. Ao todo, serão 3.460 vagas para provimento do órgão.

Novo concurso Polícia Federal

Segundo as expectativas, as vagas ofertadas serão para nível médio e superior. Ainda não se sabe quais serão os cargos de carreira contemplados no novo edital. Mas, para a área administrativa, os cargos e vagas previstos são 62 para médicos, 18 vagas para administrador, 14 para assistente social, 9 para contador, 9 para psicólogos, 8 para arquivista, 2 de enfermeiro e 1 para farmacêutico.

O novo certame terá remunerações iniciais que variam de R$ 4.746,16 a R$ 7.847,95. Para o cargo de médico, o vencimento básico é de R$ 7.847,95, já contados o acréscimo de gratificação de R$ 3.037. Para os outros cargos de nível superior, a remuneração é de R$ 2.402,74 mais a gratificação de atividade de apoio técnico administrativo de R$ 3.374, totalizando R$ 5.776,74 ao final do mês.

Além disso, o vencimento básico para cargos de nível médio é de R$ 2.279,16 e gratificação de desempenho de atividade de apoio técnico administrativo de R$ 2.467, totalizando uma remuneração inicial de R$ 4.746,16.

Curso de formação para a Polícia Federal 

O curso de formação dos candidatos aprovados no último concurso para a Polícia Federal já tem data confirmada acontecerá de 24 de junho a 08 de novembro; o de Perito no período de 17 de junho a 08 de novembro; e o de Delegado de 10 de junho a 08 de novembro, de acordo com a Assessoria da Associação Nacional dos Delegados da Polícia Federal.

O Curso é composto por disciplinas teóricas e operacionais e disposto em caráter de internato, das 07h30min até as 18h, de segunda a sábado com intervalos entre as aulas e com horário reservado para o almoço.

Requisitos, remuneração e benefícios

Os cargos de agente e escrivão são disponíveis para quem for graduado em qualquer área de formação. Os rendimentos iniciais para essas ocupações são de quase R$ 12 mil (também com o auxílio). Para os policiais lotados nas regiões de fronteira, a Lei 12.855 instituiu em 2013 o pagamento de uma indenização no valor de R$ 91,00 por dia de trabalho, podendo gerar ganhos adicionais de até R$ 2 mil por mês, aproximadamente.

Para o cargo de delegado, é necessário ter o bacharelado em Direito, além de experiência mínima de três anos em atividade jurídica ou policial. No caso de perito, a formação exigida varia conforme a área de atuação. A remuneração oferecida para ambos é de R$ 22 mil no início da carreira, incluindo o auxílio-alimentação de R$ 458,00.

Se interessou em fazer o concurso da Polícia Federal? Cadastre-se e receba todas as novidades sobre este e outros concursos de carreira Policial.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: